Um dos grandes transtornos do século XXI, a depressão atinge um número exorbitante de pessoas em todo o mundo. Muitos ainda não consideram como algo sério, porém o mal leva a diversos problemas, como bloqueios em desenvolver círculos sociais, falta de vontade para realizar tarefas, dificuldades em manter a concentração no trabalho, além de suicídio.

Segundo a coach, Ana Slaviero, há vários sintomas, dentre eles o consumo exacerbado. “Comprar sem planejamento ou conhecimento da sua própria saúde financeira é indício de caos. A consequência pode ser a depressão, a qual após instalada na rotina, torna o indivíduo incapaz de enfrentar a realidade”, explica.

Outros sinais são o encolhimento, a ausência de autoconfiança, de segurança e alteração de humor. “A pessoa se justifica o tempo todo, ela não consegue assumir responsabilidades e entra em um círculo vicioso. Por isso é tão difícil de sair”, comenta a especialista. Normalmente, um gatilho é responsável por desencadear o malefício, como o término de um relacionamento, uma demissão, a perda de um ente querido etc. Essas situações de tristeza fazem parte da vida humana, mas não podem perdurar. “Faz-se necessária a busca de ajuda de um profissional especializado”, observa Ana.  

O processo de enfrentamento da doença implica em substituir pensamentos negativos por crenças positivas de abundância, otimismo, esperança, onde o paciente não se sinta sozinho em seu caminho de recuperação. “É possível desenvolver e equilibrar todas as áreas e ter grandes resultados”, afirma Ana. Para abordar o assunto, ela palestrará no dia 18 de novembro, às 17h30, na 63ª Feira do Livro de Porto Alegre. O local fica na Praça da Alfândega, Centro Histórico – Porto Alegre/RS e a participação é gratuita.

Se você conhece alguém passando por essa situação, a psicanalista no Rio de Janeiro, Bruna Rafaele, explica. “Tente ajudar de forma branda, mostrando sempre haver uma outra maneira de resolver qualquer problema, sem desespero ou angústia”, finaliza.

Deixe o julgamento de lado e apoie quem precisa!

Venha também:

Depressão X Carreira

Depressão: veja suas causas e os problemas

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe