Para muitos, a possibilidade de não ter um chefe é um sonho cada vez mais presente, em organizações com gestão horizontal. Ou seja, onde todos ocupam a mesma posição. Entretanto, a realidade não é tão simples assim. Trabalhar em uma empresa desse tipo é desafiador, pois o colaborador tem de desenvolver algumas características para o desempenho não ser prejudicado.

O comprometimento é o principal aspecto a ser destacado. “Os funcionários precisam entender a necessidade todos estarem engajados e atentos para a corporação crescer, independentemente da área de atuação”, afirma o empresário Egton Pajaro.

É como se as preocupações do gestor fossem diluídas. A figura do líder não se desfaz, pois algumas pessoas acabam se destacando mais e assumindo a responsabilidade para si. “Alguns empreendimentos já nasceram nesse modelo e outros estão caminhando e se adaptando para implantá-lo”, avalia o especialista.

Portanto, vale a pena desenvolver algumas competências para estar apto a ingressar em um lugar com esse tipo de pensamento. Veja algumas dicas de Pajaro:

Gestão do tempo: ninguém cuidará de suas atividades e em qual ordem devem ser feitas. Você precisará ter esta visão para conseguir administrar a sua rotina e realizar as entregas. O autogerenciamento tem de prevalecer.

Ser proativo: assuma o papel como se você fosse o dono do negócio e sinta a responsabilidade dessa tarefa. A partir disso, pense como um todo e não apenas partes. Assim, será possível verificar quais atividades são necessárias, sem ninguém precisar mandar.

Conflitos: o profissionalismo do time deve permanecer em primeiro lugar. Os problemas não podem, de forma alguma, impactar no desempenho. Para isso, todos precisam estar voltados a esse propósito.

Ser criativo: é fundamental pensar em soluções inovadoras e não apenas solucionar a situação, mas sim transformá-las em oportunidades.

Quem já aderiu a esse tipo de gestão, apoia e indica. “O nosso espaço de trabalho foi pensado para facilitar ao máximo a comunicação das pessoas e evitar burocracias desnecessárias. Não temos baias e nem salas fechadas com paredes. Trabalhamos em um open space (espaço aberto) e todo mundo é acessível”, explicam os funcionários da Aurum, com unidades em São Paulo, Rio de Janeiro e Florianópolis.

E você, está pronto para entrar nesse nicho? Fique atento aos conselhos do Nube e boa sorte!

Veja também:

Acerte na liderança

Como anda seu poder de liderança?

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe