Em tempos de crise, conseguir uma boa colocação no mercado de trabalho é uma tarefa árdua para todos. Os estudantes, no entanto, podem optar pelo estágio, garantindo experiência e preparo para o segmento escolhido. O Nube - Núcleo Brasileiro de Estágios destaca as vantagens dessa prática.

Tempo: de acordo com a Lei nº 11.788/2008, pode-se estagiar no máximo 6h diárias e 30h semanais. Dessa forma, o aluno consegue realizar suas obrigações acadêmicas e quaisquer outras atividades do seu interesse durante o dia. Com essa experiência é possível ter um amadurecimento profissional. “O estágio é uma extensão da formação, pois por meio dele se torna possível aplicar na prática o conteúdo ensinado em aula”, diz Marcelo Cunha, analista de treinamento do Nube.

Responsabilidade: o novo colaborador é apresentado, aos poucos, às obrigações e cobranças, como a de seguir normas e regulamentos internos da empresa. Isso causará menos dificuldades de adaptação quando a pessoa conseguir um cargo efetivo. “Muitas habilidades podem ser desenvolvidas, desde o aperfeiçoamento na área de estudo, até a melhoria na administração do tempo, postura, qualidade do atendimento, adaptação a diferentes equipes e ampliação das formas de comunicação”, comenta o especialista.

Aprendizado: considerado um ato educativo supervisionado, o estágio fornece um contato inicial com o segmento pretendido e proporciona conhecimentos específicos de variadas funções, além do acompanhamento direto, regulamentado pela legislação, de um superior qualificado para a gestão em tal área. Com isso, o aluno vê seu desenvolvimento acontecer não apenas na escola ou faculdade, mas também no ambiente de trabalho.

Mais de 1 milhão de jovens já vivem essa realidade em nosso país, movimentando R$ 11,6 bilhões na economia, por ano, em razão da remuneração direcionada a estagiários, segundo Pesquisa de Bolsa-auxílio do Nube e dados da Abres - Associação Brasileira de Estágios. Isso demonstra a importância do setor no âmbito nacional.

Devido à importância da atividade, os futuros profissionais devem prezar pela sua máxima preparação, a fim de conseguir se destacar em meio à concorrência. “O estudo é o principal alicerce da vida profissional. A dedicação do aluno com a sua formação e o seu engajamento no curso são os primeiros passos para construir um futuro respeitoso e bem-sucedido”, conclui Cunha.

Serviço: Por que o estágio é importante na carreira? Um conjunto de características é essencial para o sucesso no primeiro passo da vida profissional.

Sugestão de fonte: Marcelo Cunha, analista de treinamento do Nube.


Sobre o Nube

Desde 1998 no mercado, o Nube oferece vagas de estágio e aprendizagem em todo o país. Possui mais de 6.800 mil empresas clientes, 13,5 mil instituições de ensino conveniadas no Brasil e já colocou mais de 550 mil pessoas no mercado de trabalho. Também administra toda a parte legal e realiza o acompanhamento do estagiário e aprendiz por meio de relatórios de atividades.
Anualmente, são realizadas 10 milhões de ligações, enviados 3 milhões de SMS e encaminhados 700 mil candidatos. O banco de dados conta com 3,6 milhões de jovens cadastrados e todos podem concorrer às milhares de oportunidades oferecidas mensalmente.
Para facilitar a vida dos cadastrados, foi desenvolvido um aplicativo no Facebook para publicação das vagas. O Nube também está presente nas principais redes sociais Twitter, Google+, Linkedin e Youtube. Com a TV Nube, oferece conteúdos voltados à empregabilidade, dicas de processos seletivos, currículos, formação profissional, entre outros. O cadastro é gratuito e pode ser feito no site www.nube.com.br.

Compartilhe